Aprendizados de Quintal

Quase que de repente percebo que aprendi através da descoberta, aceitação ou reformulação. Muitas vezes o aprendizado chega no meio de uma tarefa comum no dia-a-dia e passa a fazer sentido. A maioria das reflexões está surgindo nos momentos em que estou curtindo o quintal.

Os aprendizados são apenas observações sobre a natureza, sobre as pessoas e sobre os detalhes da vida. Não são revelações prontas e concluídas.  E assim como o quintal, sempre cabe mais uma pétala, mais uma flor.

Aprendi que cuidar das plantas é observar que a natureza é ao mesmo tempo dependente e independente. Dependente porque precisa do cuidado e atenção porque nela existimos, nela fazemos escolhas e alterações. Independente porque apesar do esforço para mantê-la de um jeito conveniente, existe além de mim e faz as suas próprias escolhas e alterações.

Mil Pétalas

Aprendi que não há problema numa vida constantemente editável. Às vezes desejo que as coisas estejam prontas tal como imaginei, mas não há envolvimento se não tentar aplicar todas as mudanças que gostaria. Se quiser um quintal mais verde, mais florido, terei que primeiro viver nele, ouvi-lo, cuida-lo. A edição é gradual e contínua.

Aprendi que o cansaço traz bloqueios e incômodos que possivelmente seriam dissolvidos caso me esticasse numa rede, parasse para ler um livro, caminhasse para fotografar flores ou simplesmente me permitisse não fazer ou pensar em nada por alguns instantes.

Mil Pétalas

Aprendi que os sentidos só fazem sentido quando são vivenciados. Ouvir o silêncio e descobrir o canto de diferentes pássaros, os grilos que chegam com a noite, os sapos nos dias chuvosos. Sentir o aroma das flores recém abertas, da grama recém cortada, da terra recém molhada.

Aprendi que dar ouvidos às pessoas não quer dizer seguir à risca seus conselhos. Somente eu posso sentir o que realmente preciso neste momento. Muitas vezes elas sugerem o que é melhor para se sentir bem com elas mesmas, e sabendo disso, não preciso me precipitar. Ouvir não é aceitar.

Mil Pétalas

Não importa o tamanho do quintal desde que sempre haja espaço para a descoberta e a contemplação.

2 comentários em “Aprendizados de Quintal

  • Seus textos e aprendizados são sempre reflexivo e eu adoro isso.
    Faz tempo que não apareço por aqui, mas o cantinho continua lindo como sempre.

    Ano passado eu decidi investir no meu jardim e estou adorando cuidar dele *_*

  • O texto é pura reflexão, às vezes queremos tudo prontinho, mas nos esquecemos dos detalhes! As imagens que escolheu são tão lindas e condizem muito com o texto <3

    Beijão, mariasabetudo

%d blogueiros gostam disto: